Deus criou a água, mas o homem fez o Vinho


Vinho

Blogues

English

Curiosidades

Imprensa






Os vinhos



Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Cabernet Sauvignon, Syrah, Touriga Nacional e Alicante Bouschet
Produtor: Casa Ermelinda Freitas
Preço: Entre 7.5? e 10?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Jaime Quendera
Notas de Prova: Cor rubi de média intensidade no centro e um delicado rebordo violáceo, o nariz sugere aromas de fruta vermelha e especiarias, envolvidos por delicadas notas tostadas e uma breve sensação floral e de pimento, na boca é um vinho equilibrado, ainda jovem e com um corpo e estrutura de médio porte, no paladar destaca-se a fruta vermelha madura, bem como uma leve sensação de especiarias e tosta, o final de boca termina com um comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: De entre as muitas vinhas que a Casa Ernelinda Freitas possui a sul de Portugal, a Vinha do Torrão é uma delas. É assim conhecida por possuir torrões/tufos como apelidam os habitantes locais, daí em sua homenagem termos criado esta marca. Vinho elaborado a partir das castas Cabernet Sauvignon, Syrah, Touriga Nacional e Alicante Bouschet, estagiou 12 meses em barricas que lhe conferiu maior elegância e concentração. Ideal para acompanhar pratos de carne vermelhas e queijos intensos. Consumir à temperatura de 16-18ºC. Tempo de guarda aconselhado de 10 anos. Leonor Freitas Proprietária.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4956-vinha-do-torrao-reserva-2016-tinto.html



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca
Produtor: Sogrape Vinhos de Portugal, SA
Preço: Entre 7.5? e 10?
Álcool: 14%
Enólogo: Luis Sottomayor
Notas de Prova: Cor rubi de média intensidade e nariz bem preenchido por aromas florais e de frutos vermelhos, além de breves nuances especiadas, num fundo delicadamente vegetal, na boca é um vinho equilibrado, com um corpo médio e taninos redondos, o paladar apresenta-se bem frutado, subtilmente tostado e com predominância de diversas especiarias, o final de boca termina com um comprimento e persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Maio 2018

Rótulo: Elegância e tradição unem-se numa história que se descobre e saboreia em cada vinho da Casa Ferreirinha. Clássico e intenso, Vinha Grande revela um aroma dominado por frutos vermelhos maduros (amora, morango), florais (violeta) e especiarias (pimenta preta). A plena qualidade deste vinho mantém-se durante cerca de 10-15 anos após a colheita desde que conservado na posição horizontal e num local seco e fresco. No momento de servir, decante o vinho, escolha uma boa companhia e tranquilamente usufrua do momento. Servir a 16-18ºC.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4955-vinha-grande-2015-tinto.html


No passado dia 14/10/2018, realizei uma Prova do vinho espumante Herdade do Rocim Brut Nature Rosé 2014 do produtor Herdade do Rocim da região do Alentejo.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao produtor Herdade do Rocim pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Herdade do Rocim Brut Nature Rosé 2016 (Espumante)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Touriga Nacional
Produtor: Herdade do Rocim
Álcool: 12%
Enólogo: Catarina Vieira e Pedro Ribeiro
Nota de Prova: Cor salmão muito delicada e nariz fino e muito complexo, onde os aromas frutados se envolvem com delicadas notas florais e apimentadas, num fundo a fazer lembrar algum biscoito e um leve torrado, na boca apresenta-se cremoso, com bolha fina e muito envolvente, destacando-se no paladar a fruta e as notas especiadas, o final de boca termina de uma forma prolongada e bem persistente.
Classificação Pessoal: 16.5


Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/prova-do-vinho-espumante-herdade-do.html



Região: Espanha
Castas: Tempranillo
Produtor: Paisajes y Viñedos
Preço: Entre 20? e 25?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Miguel Ángel de Gregorio
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira.







Classificação Pessoal: ......................................-


Rótulo: Tempranillo. Viñedos en el Municipio de Briones. 3.520 botellas, 100 Magnum.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4954-paisajes-la-pasada-2013-tinto.html



Região: Espanha
Castas: Tinta de Toro
Produtor: Bodegas Frutos Villar
Preço: Entre 4? e 7.5?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Nuria Peña Albillo
Notas de Prova: Cor avermelhada de médio porte, o nariz sugere aromas frescos de frutos vermelhos e do bosque misturados com uma breve sensação especiada e vegetal, na boca apresenta-se um vinho correcto, com taninos redondos e uma estrutura mediana, no paladar volta a revelar-se muito frutado e delicadamente vegetal e especiado, com o final de boca a terminar com um comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Variedad: 100% Tinta de Toro. Fase visual: Color rojo guinda brillante con matices azulados. Fase olfativa: Aromas a fruta roja madura que recuerda a las bayas silvestres (mora y zarzamora) y a regaliz. Fase gustativa: Estructurado con taninos agradables, prolongado y con un sabroso final. Temperatura Servicio 16-17ºC.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4953-muruve-joven-2016-tinto.html



Região: Regional Lisboa
Castas: Arinto, Vital e Viosinho
Produtor: Herdade do Rocim
Preço: Entre 7.5? e 10?
Álcool: 13%
Enólogo: Catarina Vieira e Pedro Ribeiro
Notas de Prova: Cor amarela intensa e nariz bem preenchido por aromas de fruta madura combinados com delicadas notas florais e minerais, num fundo subtilmente tostado, na boca é um vinho fresco e equilibrado, com uma acidez bem agradável e uma certa complexidade, o paladar volta a evidenciar fruta e breves nuances de tosta, terminando com um final de boca de comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Abril 2018

Rótulo: Vale da Mata era o nome de uma pequena vinha do avô paterno da Catarina Vieira, situada na encosta da Serra de Aire, nas Cortes. Foi ele que escolheu o nome para designar este vinho que assinala o "regresso" dos premiados vinhos desta terra peculiar, agora concebidos pela mão generosa, dedicada e já sabedora da neta, sob o olhar afectuoso, ainda que mais distante e vago, do avô Manuel. Este projecto é uma benção. Quase um sonho. Queremos que o vinho o seja também. Produzido a partir das castas Arinto, Vital e Viosinho.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4952-vale-da-mata-2016-branco.html



Região: Espanha
Castas: Garnacha Tinta, Graciano e Tempranillo
Produtor: Granja Nuestra Señora de Remelluri, S.A.
Preço: Entre 15? e 20?
Álcool: 14%
Enólogo: Telmo Rodríguez
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira.






Classificação Pessoal: ......................................-


Rótulo: -

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4951-remelluri-reserva-2010-tinto.html



Região: Espanha
Castas: Godello
Produtor: Bodegas Avancia, S.L.
Preço: Entre 12.5? e 15?
Álcool: 13.5%
Enólogo: Ignacio Álvarez Losada
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarela levemente esverdeada, o nariz sugere aromas cítricos e de fruta fresca, pêra e pêssego principalmente, bem como delicadas notas minerais, na boca é um vinho equilibrado, estruturado e com uma acidez vibrante, no paladar volta a destacar-se a intensidade e qualidade da fruta, acompanhada por breves nuances limonadas e minerais, o final de boca termina de uma forma agradavelmente prolongada.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Abril 2018

Rótulo: A lo largo de los siglos, el río Sil ha esculpido los profundos desfiladeros pizarrosos que serpentean hacia el Océano Atlántico. El terreno es inhóspito para la agricultura en general, excepto para las más tenaces cepas. La uva Godello se adapta muy bien a este entorno, siendo cultivada desde la Edad Media. Los viñedos en las pendientes laderas tienen una excelente ubicación para capturar el sol de esta región. Los brillantes racimos de Godello producen un vino elegante, seco, con toques de peras maduras, refrescantes cítricos y una gran mineralidad.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4950-avancia-cuvee-de-o-godello-2016.html



Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet e Touriga Nacional
Produtor: ATOW - Amoreira da Torre - Organic Wines, Lda
Preço: Entre 12.5? e 15?
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Laureano
Notas de Prova: Cor rubi de média intensidade no centro e um fino rebordo de tonalidade granada, o nariz sugere evidentes aromas de fruta vermelha muito bem envolvidos pelas notas de barrica e por diversas especiarias, num fundo ligeiramente balsâmico e até vegetal, na boca é um vinho equilibrado, muito redondo e com uma estrutura e volume bem agradáveis, no paladar destaca-se a combinação entre as especiarias, nomeadamente pimenta, com a fruta vermelha e do bosque, terminando com um final de boca de comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Este Vinho foi produzido sem utilização de pesticidas herbicidas, fungicidas, antibióticos, fertilizantes químicos ou de sintese. Castas: Alicante Bouschet: 60%; Touriga Nacional: 40%. Estágio em barricas de carvalho francês: 12m. Deste Reserva foram produzidas 5.150 garrafas, sendo esta o nº 3609. Vinho Biológico (PT-BIO-03). SO2 total = 52mg/lit.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4949-quinta-da-amoreira-da-torre.html



Região: Espanha
Castas: Tinto Fino
Produtor: Dominio de Atauta S.L.
Preço: Entre 15? e 20?
Álcool: 15%
Enólogo: Miguel Sanchez
Notas de Prova: Cor rubi intensa no centro e uma fina auréola de tonalidade avermelhada, o nariz apresenta-se frutado e especiado, além de evidenciar notas de barrica e uma certa mineralidade, tudo muito bem apoiado por uma leve sensação terrosa e de tabaco, na boca é um vinho elegante, muito encorpado e com um volume assinalável, revela uns taninos finos e o paladar está claramente dominado pela fruta preta e por notas minerais, apimentadas e de madeira, o final de boca termina de uma forma bem prolongada.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Novembro 2018

Rótulo: Nacido en la zona más agreste de Ribera Del Duero, a más de mil metros de altura sobre el mar, se alimenta de viñas que desafian a un entorno climáticamente hostil en muchas ocasiones. El asombroso resultado es un vino civilizado, extremadamente fiel a su origen y a esas vetustas cepas de Tinto Fino, que se muestra amable y conciliador en la boca, elegante sin renunicar a la gracia y desparpajo de su frescura.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4948-parada-de-atauta-2014-tinto.html


No passado dia 13/10/2018, realizei uma Prova do Vinho tinto Grandes Quintas Colheita 2016 do produtor Casa d'Arrochella do Douro.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Sociedade Agrícola da Casa d'Arrochella, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Grandes Quintas Colheita 2016 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Tinto Cão, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola da Casa d'Arrochella, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Luís Soares Duarte
Nota de Prova: Cor rubi de média intensidade no centro e auréola violeta, o um nariz sugere aromas florais e de frutos vermelhos, acompanhados poruma leve sensação vegetal e especiada, na boca é um vinho equilibrado, com uns taninos redondos e uma complexidade e volume interessantes, no paladar sobressai a fruta vermelha e preta maduras, bem como delicadas notas de especiarias e barrica, com o final de boca a terminar com um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 16


Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/prova-do-vinho-tinto-grandes-quintas.html

4947 - Air 2015 (Branco) - 10Nov2018 22:25:00


Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Loureiro, Avesso e Arinto
Produtor: António Lopes Ribeiro Wines, Lda
Preço: Entre 7.5? e 10?
Álcool: 10.5%
Enólogo: Luís Magalhães
Notas de Prova: Cor citrina e nariz fresco, onde reinam os aromas minerais e levemente cítricos, acompanhados por breves nuances de fruta, na boca é um vinho equilibrado, seco e com uma acidez bem presente, no paladar sobressai a sua mineralidade e frescura, com a fruta casada com breves nuances limonadas e vegetais, terminando com um final de boca de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Nasci sobre uma adega entre vinhedos, numa casa de granito, construida pelo meu pai num terreno herdado pela minha mãe, outrora pertença do meu avô que por sua vez o tinha recebido do meu bisavô. Recordo uma infância passada entre livros, brincadeiras e sestas em pleno campo, debaixo de videiras, oliveiras e pinheiros, olhando as nuvens no céu e nelas inventando milhentas histórias. Air é mais do que um nome? Vinho Biológico.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4947-air-2015-branco.html



Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola Herdade dos Lagos, Lda
Preço: Entre 7.5? e 10?
Álcool: 14%
Enólogo: Carsten Heinemeyer
Notas de Prova: Cor rubi de intensidade média e nariz rico em aromas de fruta vermelha fresca misturados com breves notas florais e um ligeiro toque vegetal, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e de corpo médio, no paladar voltam a sobressair os frutos vermelhos combinados por sugestivas notas vegetais, com o final de boca a terminar algo seco e com um comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: On our family winery Herdade dos Lagos in southern Portugal, we produce individual, characterful wines according to the guidelines oforganic farming. Reduced yeld, careful hand-picking and renowned wine experts form the basis for the award-winning quality of the wines. Vinho Biológico.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4946-herdade-dos-lagos-touriga-nacional.html



Região: Espanha
Castas: Garnacha Tinta
Produtor: Paisajes y Viñedos
Preço: Entre 20? e 25?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Miguel Ángel de Gregorio
Notas de Prova: Cor rubi/avermelhada de forte intensidade e concentração, o nariz sugere aromas de frutos negros e vermelhos maduros envolvidos por sugestivas notas de barrica e uma leve sensação especiada e até balsâmica, na boca apresenta-se um vinho encorpado, complexo e volumoso, com taninos bem presentes e um paladar rico em fruta preta e nuances de barrica, o final de boca termina longo e bem persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Maio 2018

Rótulo: Garnacha. Viñedos en el Municipio de Aguilar. 5.080 botellas, 100 magnum.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4945-paisajes-cecias-2011-tinto.html



Região: Espanha
Castas: Monastrell
Produtor: Bodegas y Viñedos El Sequé, S.A.
Preço: Entre 20? e 25?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Jean François Gadeau
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi profunda e carregada no centro, com uma subtil tonalidade avermelhada à volta, no nariz destacam-se os aromas de fruta vermelha e preta, bem como elegantes e sugestivas notas apimentadas e ainda uma breve sensação floral, num fundo mais especiado e balsâmico, formando um conjunto muito harmonioso e envolvente, na boca é um vinho muito encorpado e volumoso, com taninos aveludados, o paladar revela uma notável imensidão de fruta preta e vermelha, muito bem apoiada por notas de barrica de grande qualidade, no que diz respeito ao final de boca, termina com um comprimento e uma persistência fantásticos.

Classificação Pessoal: ......................................18
• Data da Prova: Maio 2018

Rótulo: -

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4944-el-seque-monastrell-2013-tinto.html



Região: Regional Tejo
Castas: Alicante Bouschet e Syrah
Produtor: Casa Agrícola Paciência, S.A.G Lda
Preço: Entre 2? e 4?
Álcool: 13%
Enólogo: Leonel Cruz
Notas de Prova: Cor rubi avermelhada e nariz aromático, onde a frescura da fruta vermelha se mistura com breves notas vegetais e algum rebuçado, na boca é um vinho fácil, com taninos simples e um corpo muito mediano, no paladar revela alguma fruta e um delicado toque especiado e vegetal, terminando com um final de boca de comprimento curto.

Classificação Pessoal: ......................................14
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Para ti, Pai, Este vinho é como tu: Masculino, só pode ser bebido por homens. Vigoroso/Robusto, mas lembra-te que a "Idade não perdoa". Cheio, embora p'ra mim estejas sempre elegante. Torrado, quando te "torro" a paciência. Macio, quando com a minha persistência te deixo em "ponto de rebuçado". Longo, como a nossa cumplicidade? Quaisquer outras semelhanças são pura coincidência.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4943-vinho-do-pai-reserva-2017-tinto.html

4942 - Victorino 2015 (Tinto) - 05Nov2018 22:27:00


Região: Espanha
Castas: Tinta de Toro
Produtor: Familia Eguren - Bodega Teso La Monja, S.L.
Preço: Entre 25? e 50?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Marcos Eguren
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira






Classificação Pessoal: ......................................-


Rótulo: Victorino es el homenaje a nuestro abuelo, una querencia irrenunciable a nuestros antepasados, hacia esta tierra y su uva Tinta de Toro, de exclusiva personalidad, que conjuga bravura, armonía y equilibrio.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4942-victorino-2015-tinto.html



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinto Cão
Produtor: Quinta de Cottas, Lda
Preço: Entre 12.5? e 15?
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Silva e Sousa
Notas de Prova: Cor rubi intensa no centro e auréola de tonalidade violeta/avermelhada, o nariz sugere notas tostadas e especiadas envolvidas por aromas de fruta preta e uma breve sensação floral e achocolatada, na boca é um vinho equilibrado, com um corpo e estrutura de médio porte e taninos redondos, no paladar sobressai a fruta vermelha e preta madura, bem como uma leve sensação de baunilha entre diversas especiarias, o final de boca termina com um comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Abril 2018

Rótulo: Produzido a partir das castas tradicionais da região do Douro com predominância para a Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinto Cão. Estagiou 12 meses em barricas de carvalho francês. Devido às particulares características do nosso terroir este vinho privilegia a elegância e complexidade e acompanhará na perfeição pratos de carne vermelha, caça ou mesmo bacalhau.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4941-cottas-reserva-2014-tinto.html


No passado dia 07/10/2018, realizei uma Prova do vinho tinto Herdade do Rocim 2016 do produtor Herdade do Rocim do Alentejo.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Herdade do Rocim pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Herdade do Rocim 2016 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Aragonez e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade do Rocim
Álcool: 14%
Enólogo: Catarina Vieira e Pedro Ribeiro
Nota de Prova: Cor rubi intensa e nariz muito aromático, onde a fruta vermelha e preta se envolvem com delicadas notas especiadas e compotadas, num fundo subtilmente marcado pela tosta, na boca é um vinho equilibrado, com uma estrutura e volume muito interessantes e taninos redondos, no paladaar destaca-se novamente a fruta madura, além de breves apontamentos minerais e apimentados, o final de boca termina com um comprimento relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16


Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/prova-do-vinho-tinto-herdade-do-rocim.html

4940 - Mauro 2014 (Tinto) - 03Nov2018 22:21:00


Região: Espanha
Castas: Tempranillo e Syrah
Produtor: Bodegas Mauro S.A.
Preço: Entre 25? e 50?
Álcool: 14.5%
Enólogo: Mariano Garcia
Notas de Prova: Cor rubi profunda e muito carregada no centro, o nariz revela aromas de fruta negra e vermelha envolvidas por elegantes notas de barrica e um leve toque terroso e fumado, num fundo mais especiado e que faz lembrar notas de tabaco, na boca é um vinho intenso, muito encorpado e complexo, com taninos nobres e vigorosos e um volume notável, no paladar destaca-se a fruta vermelha madura muito bem casada com a barrica e breves notas de bauniha, evidenciando ainda breves apontamentos de couro e uma certa mineralidade, o final de boca termina longo e com enorme persistência.

Classificação Pessoal: ......................................17.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Variedades: Tempranillo 94% / Syrah 6%. 15 meses en barricas de roble francés y americano.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4940-mauro-2014-tinto.html



Região: Regional Alentejo
Castas: Viognier
Produtor: Terras de Alter, Companhia dos Vinhos, Lda
Preço: Entre 15? e 20?
Álcool: 12.5%
Enólogo: Peter Bright
Notas de Prova: Cor amarela intensa com laivos de tonalidade dourada, o nariz sugere complexos aromas melados e frutados misturados com breves notas de frutos secos e alguma tosta, na boca apresenta uma agradável untuosidade e um volume muito interessante, no paladar sobressai a sua doçura e as dominantes notas meladas e caramelizadas, o final de boca termina de uma forma prolongada.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Março 2018

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Produzido a partir da excepcional casta Viognier vindimada em pleno estado de sobrematuração, no topo ensolarado da nossa Vinha das Antas. Fermentou e estagiou em barrica durante um ano, resultando num vinho de grande voluptuosidade e sabores únicos. Enólogo - Peter Bright.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4939-terra-dalter-late-harvest-viognier.html



Região: DOC Dão
Castas: Encruzado e Vinhas Velhas
Produtor: Magnum - Carlos Lucas, Vinhos Lda
Preço: Entre 10? e 12.5?
Álcool: 13%
Enólogo: Carlos Lucas
Notas de Prova: Cor amarela citrina e nariz agradavelmente preenchido por aromas minerais e frutados, onde sobressaem as notas de maçã verde e uma evidente tropicalidade, num fundo mais cítrico e até floral, na boca é um vinho tão equilibrado quanto fresco, revela uma acidez bem presente e uma certa complexidade, o paladar evidencia fruta tropical madura e notas minerais e de citrinos, terminando com um final de boca de comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Agricultura sustentada | Vinhas Velhas | Encruzado | Vindima Manual | Sem desengace | Esgotamento | Leveduras Indígenas | Fermentação | Filtração | Engarrafamento | Menos On | Mais Off.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4938-ribeiro-santo-automatico-2016.html

4937 - Redoma 2016 (Branco) - 01Nov2018 15:40:00


Região: DOC Douro
Castas: Rabigato, Códega, Viosinho, Donzelino Branco, Arinto e Outras
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Preço: Entre 12.5? e 15?
Álcool: 12%
Enólogo: Dirk Niepoort
Notas de Prova: Cor amarelo pálido e nariz rico em notas minerais e florais envolvidas por delicados aromas de fruta e citrinos, num fundo subtilmente fumado e tostado, na boca revela-se um vinho fresco, com uma boa acidez e um ligeiro toque cremoso, no paladar dominam as notas mais cítricas e minerais, sendo agradavelmente secundadas pela fruta madura e leves sugestões de frutos secos, o final de boca termina algo seco e com um comprimento médio/alto.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Abril 2018

Rótulo: Engarrafado em Maio 2017.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/11/4937-redoma-2016-branco.html



Região: Regional Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Preço: Entre 7.5? e 10?
Álcool: 9%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Notas de Prova: Cor amarelo citrino intenso com laivos dourados, o nariz revela-se exuberante, rico em aromas de fruta tropical, notas de pêra e pêssego, num fundo mais limonado e mineral, na boca destaca-se no imediato o equilíbrio entre a doçura e a acidez, num registo sugestivo e relativamente complexo, no paladar realce para a fruta madura misturada por breves nuances minerais e citrinas, com o final de boca a terminar algo seco e relativamente persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: -

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/10/4936-soalheiro-docil-alvarinho-2015.html



Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Vallegre, Vinhos do Porto, S.A.
Preço: Entre 15? e 20?
Álcool: 14%
Enólogo: Pedro Sá e César Pinacho
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarela intensa e um nariz elegante, onde os aromas abaunilhados e tostados se juntam à fruta tropical madura e a breves nuances florais, num fundo mineral e ligeiramente fumado, na boca é um vinho com estrutura e volume, cremoso e com uma acidez interessante, o paladar evidencia-se mais frutado e tostado do que citrino e mineral, com o final de boca a terminar de uma forma prolongada e agradavelmente persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2018

Rótulo: Vinho com origem no respeito pelas características naturais das vinhas velhas brancas tradicionais do Douro. Após a maceração pelicular, este vinho fermentou, e estagiou durante 12 meses, em barricas novas de carvalho francês. Foi engarrafado apenas com uma ligeira filtração. Deve ser apreciado a uma temperatura entre os 12º e os 14ºC.

Fonte: http://osvinhos.blogspot.com/2018/10/4935-vallegre-reserva-especial-2016.html